acesso a um advogado de direito penal



É uma pena, mas muitas vezes acontece que a taxa de defender o cliente simplesmente não têm dinheiro suficienteOu o réu não considera que a sua contratação, porque com certeza a casa de inocência. De uma forma ou de outra, todos devem saber que há práticas livres de advogados. Ou é o de advocacia, que trabalham voluntariamente, ou os advogados do estado. Afinal, muitas vezes até mesmo em filmes, você pode ouvir a frase:"se for necessário, vamos concedido estadual de advogado". Por um lado, isso parece surpreendente, afinal, se trata-se de um processo criminal, então, o mais provável, e o incidente foi grave. Por que, em tais casos, as pessoas ainda confiam o acesso de advogados em processos criminais, continua a ser um mistério, que leva a alguma sombra de misticismo. De uma forma ou de outra, normalmente, acesso advogado não se trata apenas de assuntos criminais. A competência de tais profissionais é bastante amplo, e eles podem representar em juízo os interesses de seus clientes em quase qualquer ocasiões. Acesso advogado criminal é um pouco diferente do habitual representante da profissão, exceto que a taxa de ele não paga o cliente a partir de seu próprio bolso, e que o governo. Por que, em geral, esta prática é muito procurado e produtos de advogados existem, você pode perguntar. Afinal, eles voluntariamente recebem menos dinheiro do que os colegas. Essa pergunta tem várias respostas. O primeiro - advogado deve ganhar nome Segunda - amor de jurisprudência. Terceiro, a experiência e o emprego oficial para o advogado. Normalmente, uma dessas razões, ou todas elas em conjunto, e são os fatores que determinam a ampla prevalência de gerar advogados. Agora, considere questões com a próxima parte. Por que o estado paga o serviço"gratuito"de um advogado Porque qualquer pessoa tem o direito de a entidade que representa os seus interesses em tribunal - tal é o advogado. Portanto, se o estado não irá conter o estado como"livres"de profissionais, surgiu uma situação em que é violado um dos direitos constitucionais da pessoa. Naturalmente, isso não é permitido.